Homem investigado por tentativa de homicídio é preso pela Polícia Civil em Porto Nacional

Indivíduo, considerado de alta periculosidade, também responde por crimes no âmbito de violência doméstica.

 

 

Policiais Civis da 7ª Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (DEIC – Porto Nacional), coordenados pelo delegado-chefe da unidade, Wagner Rayelly Pereira Siqueira, efetuaram na manhã desta quarta-feira, 19, a prisão de um indivíduo de iniciais F.P.S., de 21 anos, o qual é apontado como o principal suspeito pela prática de uma tentativa de homicídio, em Porto Nacional.

 

Conforme explica autoridade policial, a operação que resultou na captura do indivíduo foi deflagrada no decorrer da investigação visando esclarecer as circunstâncias de um homicídio tentado, ocorrido na madrugada de 12 de maio deste ano, quando um homem foi espancado e lesionado com disparos de arma de fogo, na Avenida Beira Rio, Orla de Porto Nacional.

 

Com o aprofundamento das investigações, os policiais da 7ª DEIC descobriram que o crime teria sido praticado por um velho conhecido da Polícia e que reside no Setor Planalto. “Conforme restou apurado, F.P.S.  teria tentado matar o jovem em razão de ciúmes que ele nutria do mesmo em relação a sua ex-companheira”, disse a autoridade policial.

 

As investigações da PC-TO também revelaram que no final do ano de 2023, vítima e agressor já haviam se desentendido e brigado em uma empresa onde ambos trabalhavam, também por ciúmes do autor por conta de sua companheira. “Desse modo, foi possível descobrir que F.P.S. teria tentado matar a vítima, que se encontra internada em estado grave no Hospital Geral de Palmas (HGP), por cíumes”, frisou o delegado Wagner.

 

Durante o cumprimento do mandado de prisão, os policiais civis também cumpriram um mandado de busca no imóvel onde o suspeito reside, no intuito de localizar a arma utilizada no crime. As investigações da 7ª DEIC também revelaram que no dia do crime, o autor teria ido até a residência de sua ex-companheira, invadido o local e praticado uma série de danos, tendo inclusive, enviado várias mensagens como ameaças à mulher, que representou criminalmente contra ele e pediu a renovação de medidas protetivas de urgência.

 

Após ser preso,  o homem foi conduzido até a sede da 11ª Central de Atendimento da Polícia Civil, onde foi interrogado pela autoridade policial. Logo após a realização dos procedimentos legais cabíveis, ele foi recolhido à Unidade Regional Penal de Porto Nacional, onde deverá aguardar a manifestação da Justiça.

Não perca nenhuma notícia importante. Assine nossa newsletter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas notícias

Recomendações

Patrocinado

plugins premium WordPress

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Consulte nossa Política de Privacidade.